Sertanejo

Pedro Bento e Zé da Estrada

Ribeirão Preto / SP

Músicas

A Lua é Testemunha
Pedro Bento e Zé da Estrada
Barbaridade
Pedro Bento e Zé da Estrada
Boiada
Pedro Bento e Zé da Estrada
Carta do Pracinha
Pedro Bento e Zé da Estrada
Castelo de Sonhos
Pedro Bento e Zé da Estrada
Chico Bento
Pedro Bento e Zé da Estrada
Chitãozinho e Xororó
Pedro Bento e Zé da Estrada
Cigana
Pedro Bento e Zé da Estrada
Coxinilho
Pedro Bento e Zé da Estrada
Criação do Mundo
Pedro Bento e Zé da Estrada
Dama de Branco
Pedro Bento e Zé da Estrada
Dama de Vermelho
Pedro Bento e Zé da Estrada
Desejo Antigo
Pedro Bento e Zé da Estrada
Dia Mais Lindo da Vida
Pedro Bento e Zé da Estrada
Flor da Lama
Pedro Bento e Zé da Estrada
Galopeira
Pedro Bento e Zé da Estrada
Herói Sem Medalha
Pedro Bento e Zé da Estrada
João de Barro
Pedro Bento e Zé da Estrada
Ladrão de Beijos
Pedro Bento e Zé da Estrada
Mãe Amorosa
Pedro Bento e Zé da Estrada
Mágoa de Boiadeiro
Pedro Bento e Zé da Estrada
Mineira de Uberada
Pedro Bento e Zé da Estrada
Mulher de Ninguém
Pedro Bento e Zé da Estrada
O Amor e a Rosa
Pedro Bento e Zé da Estrada
O Milagre da Flexa
Pedro Bento e Zé da Estrada
O Progresso Brasileiro
Pedro Bento e Zé da Estrada
Pai João
Pedro Bento e Zé da Estrada
Peão de Ouro
Pedro Bento e Zé da Estrada
Pedaço da Noite
Pedro Bento e Zé da Estrada
Pombinha Branca
Pedro Bento e Zé da Estrada
Recordação
Pedro Bento e Zé da Estrada
Rosa Traiçoeira
Pedro Bento e Zé da Estrada
Serenata Asteca
Pedro Bento e Zé da Estrada
Serenata do Amor
Pedro Bento e Zé da Estrada
Seresteiro da Lua
Pedro Bento e Zé da Estrada
Sete Palavras (Últimas Pa
Pedro Bento e Zé da Estrada
Taça da Dor
Pedro Bento e Zé da Estrada
Três Boiadeiros
Pedro Bento e Zé da Estrada
Tropas e Boiadas
Pedro Bento e Zé da Estrada

Ouça

Baixe o Flash Player para ver este player.

Coloque no seu site

Copie o código abaixo e cole no seu site.

Release

Joel Antunes Leme (Pedro Bento) nasceu em Porto Feliz/SP, em 08 de junho de 1934, , e Waldomiro de Oliveira (Zé da Estrada) nasceu em Botucatu/SP, em 22 de setembro de 1929.
Aos 16 anos, Pedro Bento já havia deixado a sua Porto Feliz e residia em São Paulo. Cantava ao lado de Ludovico Patrignani e eram chamados de Matinho (Pedro Bento) e
atão, com constantes aparições no Programa de Paiozinho e Zé Tapera, "CASA DO FAZENDEIRO". Em virtude de uma excursão de Paiozinho, Matinho ficou com a responsabilidade de assumir o Programa e, então, resolveu procurar um novo parceiro, encontrando-o na pessoa de Waldomiro, que nas horas de folga participava do "Trio Minas Gerais", junto com Sílvio e Machadinho. Waldomiro se apresentava com seus companheiros num programa de calouros chamado "Chico Carretel" quando Matinho o convidou para formar a dupla.
Foi num programa da Rádio Cultura que Paiozinho os batizou de Pedro Bento e Zé da Estrada. Formada a parceria, o que se viu nos primeiros tempos, que compreendam os anos de 1954 a 1955, foi a demonstração de competência e grande futuro da dupla e, assim, o caminhar para a gl[oria. Acompanhados pelo sanfoneiro Coqueirinho. se apresentavam, assiduamente, no Programa "AMANHECER DA MINHA TERRA", da Rádio Bandeirantes, oportunidade em que, influenciados pelo êxito de Miguel Aceves Mejia, introduziram as lendárias canções mexicanas no mercado musical da viola. A novidade lançada por PEdro Bento e Zé da Estrada foi recebida na forma de um gigantesco sucesso. o entanto, só em 1957 é que os maiores representantes da canção rancheira no Brasil conseguem gravar o primeiro disco de 78 rotações, com as músicas "SERESTEIRO DA LUA" e "TAÇA DA DOR". Gravaram um total de 16 discos de 78 rotações. As apresentações da dupla sempre foram precedidas de uma expectativa muito grande. Todos queriam ver de perto aquelas diferentes e luxuosas roupas, os enormes chapelões, a melodia emotiva e apaixonada, a beleza dos rítmos que saiam dos sons estridentes, fatores suficientes para fazer dos dois parceiros os maiores representantes do fabuloso gênero dos "Los Mariachis" no Brasil.
Um dos seus maiores sucessos foi a música "Os TRÊS BOIADEIROS" de Anacleto Rosas Jr, que em 1978 acabou por se transformar em um filme de grande sucesso de bilheteria.
Também em 1967, ficaram em segundo lugar com a música "Mágoa de Boiadeiro", no Festival de Música Sertaneja da Rádio Nacional - hoje Globo.
Desde fevereiro de 1956 quando a dupla se uniu gravaram um total de 16 discos de 78 rpm, 122 LPs e 24 CDs.
Seus maiores sucessos foram "Mágoa de Boiadeiro" e "Seresteiro da Lua". Atualmente destaque para "Sete Palavras".


Texto: Sandra Cristina Peripato

Integrantes

Não há nenhum integrante cadastrado

Dados para Contato

Telefone: (11) 3221-0727
Site: www.pedrobentoezedaestrada.com.brr
Email: Não informado

Influências


Últimas Fotos

Não há nenhuma foto cadastrada

Shows e Eventos

Não há nenhum evento programado


Últimos Comentários

7/8/2016 20:42:16 - everaldo
obrigado por essas lindas cansões. gostaria de ter todos os LPs grato
22/9/2015 11:01:33 - ENOC AMANCIO DA SILVA
COMENTAR SERIA UMA INJUSTIÇA PARA ESTES DOIS QUE FEZ PARTE DA MINHA INFÂNCIA E JUVENTUDE E HOJE JÁ COM IDADE DE 66 ANOS QUANDO OUÇO SUAS MUSICAS ME TRÁS MUITAS RECORDAÇÕES DO PASSADO.....QUE DEUS NOSSO SENHOR TENHA TODA MISERICÓRDIA E ABENÇOE PARA SEMPR


Garagem MP3 © 2006-2017 • Política de Privacidade
HomeCifrasCadastre sua BandaContato